Loja

Procurar loja

Entrega Grátis

A partir de 20€

Música para todos! Depois de conhecer as vantagens, desafie os miúdos a fazer os seus próprios instrumentos

Descubra as mais-valias que esta forma de expressão pode trazer para a vida dos seus filhos.

A música é uma atividade com inúmeros benefícios para todos. Descubra as mais-valias que esta forma de expressão pode trazer para a vida dos seus filhos.

Uma das áreas que mais enriquecem as crianças é, sem dúvida, a aprendizagem de música. Quer o seu filho seja um aficionado da ciência ou virado para as artes, contactar com o universo das melodias ajuda a desenvolver importantes funções cognitivas. Além disso, fomenta um forte sentido de responsabilidade, estimulando o pensamento criativo desde cedo.

Em casa ou como atividade extracurricular, considere o ensino da música para ocupar os tempos livres dos mais novos. Ainda não está convencido? Apresentamos-lhe algumas razões para embarcar nesta aventura musical em família. No final, pode ainda inspirar-se para deitar mãos à obra a alguns crafts, que transformam objetos do dia a dia em divertidos instrumentos. Num abrir e fechar de olhos, nascem Mozarts de palmo e meio.

 

Pensamentos mais originais

A plasticidade cerebral refere-se à capacidade de o sistema nervoso mudar, adaptar-se e moldar-se, ao longo do tempo. Esta competência é estimulada pela aprendizagem de novos conhecimentos. À medida que o cérebro da criança se desenvolve, a música puxa por uma combinação única de pensamento crítico, criativo e aplicado. Os mais novos aprendem, assim, a pensar em tempo real, levando a um raciocínio mais fora da caixa.

 

Confiança no cérebro

A grande palavra-chave associada à música é praticar. Nunca é demais ensaiar uma determinada obra até a aperfeiçoar ao máximo. Ter este nível de disciplina faz com que as crianças confiem em si próprias na hora de fazer um teste, jogar um desporto ou até mesmo participar numa entrevista de emprego. Sabem que conseguem automatizar a aprendizagem, passando mais rapidamente para outras tarefas.

 

Sentimento de pertença

Começar uma jornada pelo mundo da música acaba por transcender as melodias. Esta também acaba por trazer um grupo de novos amigos com aspirações em comum. Os mais novos passam a desenvolver um sentido de pertença ao ganhar um papel definido numa banda, num coro ou numa orquestra. A sua contribuição é apreciada e o companheirismo converte-se em amizades para a vida.

 

Superar objetivos

A música traz ao de cima o melhor em cada um de nós. Qualquer músico já experimentou a sensação de trabalhar para algo e conseguir superar as suas próprias expetativas. Alcançar objetivos que nunca pensámos ser possíveis é algo diário para quem aprende música. Não há nada melhor para fortalecer o caráter do que olhar para trás e sentir orgulho de todo o esforço investido.

  

Aprender música em família? Conheça os melhores crafts!

Para começar a incutir o gosto pela música em qualquer idade, basta puxar pela imaginação e recorrer aos objetos que encontrar por casa. Construa instrumentos fora do vulgar em família, na companhia destes trabalhos manuais.

 

Maraca cheia de ritmo

Material necessário

Deitar mãos à obra

Depois de encontrar uma caixinha que caiba entre as duas colheres, coloque no seu interior algumas pedrinhas, grãos ou até mesmo comida de cão. Este será o segredo da música. Em seguida, coloque a caixa fechada no meio das colheres, juntando tudo com fita cola. Envolva a maraca com papel de alumínio e decore a seu gosto. Algumas tintas e pincéis são essenciais para dar ao instrumento um ar mais festivo!


 

Guitarra reciclada

Material necessário

Deitar mãos à obra

Num cartão grande, trace uma estrutura retangular. Recorte a planificação e monte-a com a ajuda da fita cola. Recorte um círculo, próximo da parte de baixo. Noutro cartão, trace um retângulo mais estreito para fazer o braço da guitarra. Recorte e monte o braço, unindo as duas estruturas com fita cola. Dobre um pedaço de cartão pequeno e cole-o à guitarra para fazer um apoio para as cordas. Corte quatro elásticos e estenda-os de uma ponta à outra da guitarra. Pode fixá-los com fita cola. Por fim, coloque a fita decorativa em volta do braço do instrumento e decore o resto da guitarra a gosto, com a ajuda das tintas.

 

Flauta de palhinhas

Material necessário

Deitar mãos à obra

Com a tesoura, corte as palhinhas para todas ficarem de tamanhos diferentes. É suposto que, ao colocá-las em linha, forme um efeito descendente. Una as palhinhas com cola líquida ou uma pistola de cola quente. Se estas já forem coloridas, a sua flauta de pã está concluída. Caso contrário, pode recorrer às tintas e pincéis para a decorar.

 

Para mais programas musicais em família, não perca estas sugestões!

 

De galáxia em galáxia

Porto | Museu FC Porto | 7 nov.: 11h | M/0

O “Música com Dragõezinhos” oferece sessões de histórias, cantadas e lidas, para toda a família. Em novembro, é a vez do espetáculo “Lua e Estrela” subir ao palco. Miúdos e graúdos são convidados a participar na música que os levará a outra galáxia.

 

Música infantil para todos

Aveiro | Câmara Municipal de Albergaria-a-Velha | 14 a 15 nov. | M/0

O Município de Albergaria-a-Velha apresenta a 5.ª edição do Mi – Festival de Música e Criatividade Infantil. Ao longo de vários espaços da região, as famílias vivem emoções e apuram os sentidos, com criações musicais de Mi para Ti.

 

Regresso a Notre Dame

Lisboa | Casino Estoril | a partir de 22 out., sáb., dom., fer.: 11h, 15.30h | M/3

Corcunda de Notre Dame - O Musical” sai das páginas do livro de Victor Hugo para dar música às famílias. O espetáculo, com direção de Ricardo Castro, recria o ambiente da cidade de Paris e da sua imponente catedral do século XV, num cenário mágico, com muita música à mistura.

 

De quem é o sapato de cristal?

Lisboa | Teatro Politeama | a partir de 22 out., sáb., dom.: 15h | M/3

Filipe La Féria adapta um conto que encantou gerações em “Cinderela – O Musical dos Seus Sonhos”. O teatro, a música, a dança e o circo são apenas algumas das artes que se juntam para contar a história da princesa que perdeu o seu sapatinho de cristal.

 

Concertos para pequeninos

Loulé | Auditório Solar da Música Nova | 16 out.: 10h, 11h | M/0

Ensinar o valor da música começa na infância. No concerto para bebés “Não Fui Eu”, pais e filhos aprendem sobre os segredos das melodias em família. A grande pergunta deste espetáculo é “quem comeu um pedaço de lua?”.

 

Por: Estrelas&Ouriços

Comparar Produtos

Staples