Loja

Procurar loja

Entrega Grátis

A partir de 20€

Ler facilita a aprendizagem: Como criar bons hábitos?

A comemoração do Dia Internacional do Livro Infantil, a 2 de abril, e a do Dia Mundial do Livro e dos Direitos de Autor, a 23 de abril, vêm lembrar a importância do prazer da leitura e da descoberta dos livros. Entre muitos aspetos positivos, ler contribui para o desenvolvimento cognitivo das crianças, promove um raciocínio rápido, aumenta a capacidade de imaginação e melhora a escrita.

Em reunião de encarregados de educação, experimente apresentar alguns dos muitos benefícios da leitura, de forma a que os pais possam ajudar a fazer este valioso trabalho de casa: incutir o gosto pela leitura nos seus filhos, com livros em casa por perto e sempre à mão.

A leitura protege a mente
De acordo com vários estudos, a leitura beneficia o funcionamento do cérebro e ajuda a proteger a saúde mental, podendo mesmo atrasar o surgimento de doenças neurodegenerativas e sintomas de demência e Alzheimer.

Um cérebro que lê amplia as competências
Ler é uma forma desenvolver outras aptidões pessoais. A leitura melhora a escrita, enriquece o vocabulário, aumenta a capacidade de concentração, estimula a criatividade e fortalece a formação do sentido crítico.

Ler é ginasticar a cabeça
Um estudo realizado na Universidade Emory, nos Estados Unidos, a 20 estudantes que liam diariamente, concluiu que ler afeta o nosso cérebro como se realmente tivéssemos vivido determinados eventos, ou seja, enquanto lemos estamos tão conectados com as ações que passamos a viver “cerebralmente” o que as personagens estão a fazer. Corremos, rimos, sonhamos, cantamos e talvez até dormimos.

Mais um livro, mais empatia
A empatia é uma capacidade psicológica que consiste no movimento de nos colocarmos no lugar do outro, de compreender, de ser solidário. Um estudo publicado na revista “Psychology Today” confirma que a leitura tem este efeito no leitor, já que quando estamos a ler estabelecemos uma ligação com a realidade do outro.

DICAS PARA INCENTIVAR A LEITURA ENTRE OS ALUNOS

Nem sempre é fácil incutir hábitos de leitura nos mais pequenos. Se este incentivo não vier de casa, ainda se torna mais difícil para o professor enraizar e desenvolver este gosto. Cada turma é uma turma, pelo que é necessário adequar os vários métodos a cada uma delas, mas há dicas que, de uma maneira geral, podem ajudar.

Não se canse de defender a importância da leitura

Dê o exemplo e ande sempre com livros, de forma a que as crianças possam aprender a respeitar e a ter uma ligação próxima com estes “amigos”. Mostre-lhes, de forma efusiva, as vantagens que traz a leitura e como toda a aprendizagem se torna mais fácil, nomeadamente no que respeita às outras disciplinas em que possam ter dificuldades.

Leve-os à biblioteca da escola

As crianças precisam de ser guiadas, mas também de fazer as suas descobertas. Numa ida à biblioteca da escola, deixe-as explorar os vários géneros literários, responda às suas dúvidas e convide-as a requisitar um livro para levarem para casa. Nem todos os miúdos se afeiçoam aos mesmos tipos de livros e convém que vejam na leitura um verdadeiro prazer.

Incentive a leitura diária

Escolhido o livro favorito, implemente a leitura de, pelo menos, 10 minutos diários, se as crianças forem do 1.ª Ciclo. Vá aumentando o tempo consoante a faixa etária e o nível de escolaridade. Desafie os alunos a escreverem um final diferente para aquela história ou a ilustrar a parte que mais gostaram, mostrando, depois, o resultado final à turma.

Atividades em torno do livro

Para as crianças que possam mostrar mais resistência em deixar-se levar pelo fascínio de ler um livro, aproxime-o delas por outras vias, seja organizando uma pequena peça de teatro – atribuindo uma personagem a cada aluno – seja através de uma maratona de poesia com passagem de testemunho, em que cada criança lê um poema (em alternativa, pode também ser a criança a escrevê-lo). Assistir a um espetáculo presencial ou virtualmente, bem como visitar uma exposição, são duas sugestões que também vão suscitando o interesse pela arte da leitura.

Mensagem para os pais

Sugira aos pais, diretamente ou por intermédio dos alunos, que, nos seus trajetos de casa para a escola, aproveitem para estimular a observação do meio envolvente, para realizar jogos de memória ou jogos de palavras (listas de profissões, correspondência entre letras do alfabeto e nomes próprios, jogos de letras com as matrículas do carro – dar um nome a cada letra por exemplo, entre outros).

LIVROS PARA TODOS

O Plano Nacional de Leitura (PNL) divulga duas vezes por ano uma lista com um conjunto de livros selecionados por idades, nível de leitura e interesses dos leitores.

Para conhecer os livros recomendados, além dos que já estão inseridos no conteúdo programático, entre no site do PNL, na parte do Catálogo PNL, selecione “2.º semestre – 2020” no filtro “Recomendados em” e, de seguida, clique no sinal +.

Boas leituras!

Comparar Produtos

Staples