Como pode o calor afetar a produtividade?
O seu Local de Trabalho

Como pode o calor afetar a produtividade?

Estudos mostram que o calor pode ter efeitos adversos num ambiente de trabalho, mais propriamente, na produtividade de um funcionário que pode descer até 20%, e pode também aumentar os níveis de distração até 45%. Consequentemente, uma empresa pode esperar uma descida de resultados apresentados assim que as temperaturas altas do verão comecem a aparecer.

 

Por este motivo, é importante saber contra atacar e saber adaptar o ambiente de trabalho para os funcionários se sentirem mais confortáveis e conseguirem lidar com o calor. Existem vários de fatores que podem contribuir para a moral dos trabalhadores e também para a ética no trabalho durante os meses mais quentes, por isso é necessário ter noção dos mesmos e saber priorizar os mais importantes.

 

Muito calor ou muito frio?

Com o tempo a aquecer, a temperatura dentro do local de trabalho começa a ser um tópico comum de conversa. Em média, cerca de 80% dos funcionários de um escritório estão descontentes com a temperatura no trabalho, e isto causa desconforto e certamente criará um impacto negativo na produtividade.

 

O ar condicionado pode ser uma fonte de problemas. Se estiver muito forte, certas pessoas vão reclamar que sentem frio, enquanto que por vezes estando demasiado leve, outros irão continuar a sentir calor. Isto complica o processo de manter a equipa em harmonia no que toca a manter uma temperatura com que todos estejam confortáveis.

 

Experimentando e posteriormente fazendo um questionário, é a forma correta de descobrir qual a temperatura ideal para todos. Para os mais calorentos, considere disponibilizar algumas ventoinhas pelo escritório.

 

O que vestir?

Recentes pesquisas mostraram que 50% dos empregados em que a empresa restringe o vestuário, sentiram-se desconfortáveis com o calor. Funcionários que têm de seguir certos códigos de vestuário têm também mais probabilidade de criar disputas em relação à temperatura do escritório.

 

Ter regras mais benevolentes em relação ao vestuário, durante os meses de calor, é uma forma fácil de deixar os trabalhadores mais confortáveis, o que resultará num aumento da sua eficiência.

 

Permita trocar o blazer e a gravata por uma camisa mais solta, mantendo ainda umas calças com um aspeto formal, poderá fazer uma grande diferença no conforto das pessoas.

 

Alterar as horas de trabalho?

Com a expectativa da produtividade no trabalho diminuir durante o verão, a redução de horas de trabalho pode soar mal de início. No entanto, um estudo realizado pela Opinion Research Corporation for AOC Marketing Research mostrou que reduzir as horas de trabalho diárias, durante o verão, contribui na realidade para um aumento de produtividade, com uma taxa de 66% dos questionados a afirmar que conseguiram completar mais trabalho comparando com a situação anterior.

 

Seja autorizar um fim de semana prolongado, deixando os funcionários saírem mais cedo a uma sexta-feira, ou de permitir que trabalhem a partir de casa um dia por semana, alterar as horas de trabalho durante os períodos mais quentes do ano contribui para um ambiente mais positivo na empresa. Horas flexíveis também aumentam a moral dos trabalhadores, fazendo com que se sintam valorizados e recompensados pelo seu trabalho.

 

Beber mais água

Para ajudar a reduzir a descida em produtividade no trabalho durante o verão, recomende aos seus colegas beberem mais água. Manterem-se hidratados é crucial enquanto trabalham, especialmente em alturas de calor, quando a desidratação é uma possibilidade que dificulta a concentração.

 

A quantidade de água recomendada diariamente varia, mas o sugerido normalmente é de cerca de 6 a 8 copos por dia. Disponibilizar algumas fontes de água, perto da zona de trabalho e nas salas de intervalo, irá motivar os funcionários a manterem-se hidratados e a combater a sede. De acordo com uma investigação feita pela University of East London, a produtividade aumenta em 14% quando uma pessoa se mantém hidratada.

 

Enquanto que o calor pode afetar a produtividade de um trabalhador, dar pequenos passos para aumentar a moral e conforto da equipa pode mantê-la a trabalhar de forma árdua, mesmo nos meses mais quentes.