Bullet journal para o trabalho
Especiais

Bullet journal para o trabalho

Se já tentou todos os cadernos e blocos de notas no mercado, e mesmo assim não consegue manter a sua vida, tanto profissional, como pessoal, organizada, então talvez esteja na hora de aprender como fazer um bullet journal As páginas deste caderno contém diversas categorias, como uma lista de tarefas a preencher, calendários, recados, e quaisquer outras coisas que precise de registar na sua agenda, o que torna estes cadernos ideais para manter os seus pensamentos sempre registados, num simples bloco de notas.

Apesar de poder soar a algo complicado no início, um bullet journal não é difícil de fazer, e facilmente o pode introduzir como parte da sua rotina.

O que é um Bullet Journal?" width=

O bullet journal é uma invenção do designer nova-iorquino Ryder Carroll, que desenvolveu este sistema depois de ajudar uma amiga a planear o seu casamento.

Trata-se de uma lista de pontos-chave e é uma das formas mais modernas e inovadoras para fazer apontamentos. A ideia desta técnica é escrever frases curtas e diretas, em vez de longas frases, usando também, símbolos para definir a prioridade de cada ponto. Calendários e progresso de objetivos são usados com frequência nestes cadernos, permitindo manter-se atento ao progresso, saber o que completou e saber o que precisará de continuar a fazer para o mês seguinte.

Posso usar um bullet journal no trabalho?

No que toca a melhorar a produtividade no trabalho, um bullet journal pode ser uma mais valia para aproveitar o dia ao máximo. É uma forma simples de registar o que tem a fazer, e pode ser utilizado em diversas profissões.

Tirar notas das suas responsabilidades e categorizá-las mediante a prioridade de cada uma poderá ajudá-lo(a) a sentir-se melhor preparado(a). É também, a ferramenta ideal para controlar o progresso dos seus objetivos ao longo do ano.

 

Se quiser experimentar este novo bullet journal, o nosso guia básico contém algumas dicas para principiantes que procuram embarcar nesta nova técnica de organização e produtividade.

O que precisa para começar o seu próprio Bullet Journal?

Se estiver numa onda mais criativa, pode considerar ainda canetas de caligrafia ou lápis de cor, no entanto estes não são essenciais." width=

Há alguns elementos chave a considerar para fazer um bullet journal. Em primeiro lugar, precisa de categorizar as páginas. Várias fontes online recomendam que comece com um índice, de modo a simplificar a procura das suas notas. Em vez de ter uma página unicamente destinada para o índice, pode colocar uns post-its nas margens das folhas para identificar o conteúdo da página. Identifique as primeiras 2 a 4 páginas como o índice e preencha à medida que vai preenchendo o caderno.

O que é um future log?

Um dos principais componentes do bullet journal é o future log. Este segmento é dividido em algumas páginas para formar um calendário que o permita anotar futuros acontecimentos, tais como férias e feriados, mas também pode adicionar certos objetivos que gostaria de completar até uma certa data. O calendário pode conter até 6 meses ou até mesmo 12 meses, mediante a sua preferência. Pode também subdividir em meses, semanas ou mesmo dias, que o permite programar em mais detalhe o seu dia/semana/mês.

Rapid logging? O que quer dizer?

Basicamente, rapid logging é o registo de todas as tarefas que procura completar até ao final do dia. Há uma estrutura a seguir para manter as suas notas organizadas, que apesar de poderem ser personalizadas por si, normalmente seguem este esquema:

  • Tarefas podem ser apontadas com pontos
  • Eventos são introduzidos com círculos
  • Notas são listadas com um traço
" width=

Assim que completar o que tiver introduzido no seu caderno, pode simplesmente colocar um X ou um visto por cima do símbolo que corresponde ao tipo do apontamento.

 

Pode ainda categorizar as suas notas a outro nível, ajudando a classificar como mais prioritário a completar:

  • Algo extremamente importante ou prioritário é assinalado com uma estrela
  • As suas novas ideias são assinaladas com um ponto de exclamação
  • Observações ou coisas que precisa de rever novamente, assinale com o desenho de um pequeno olho

 

Estas são apenas algumas das páginas simples que irá precisar, mas pode adicionar mais páginas dedicadas a praticamente qualquer coisa do seu interesse:

  • Livros para ler
  • Cursos a tirar
  • Lista de tarefas num projeto

 

O que é migração num bullet journal?

Migração é o próximo passo no seu bullet journal, onde volta atrás, revendo e observando todas as entradas que fez no seu caderno ao longo do tempo. As tarefas que não tenham sido acabadas são então movidas para o mês atual, ou para uma outra data, se ainda for relevante acabá-las.

Utilizar um bullet jornal pode ajudar a produtividade no trabalho. Não tem de ser usado exclusivamente para a vida profissional, pois pode combinar com um caderno para as tarefas a completar na sua vida pessoal, ou mesmo combinar os dois num caderno único.